Atrativos turisticos

Pico dos Marins

Uma das montanhas mais altas do estado de São Paulo, com 2.420,7 m, e ocupando a 26ª posição entre as montanhas mais altas do Brasil, o Pico dos Marins atrai os amantes do montanhismo pela beleza da região que o cerca, proporcionando uma ampla e fantástica vista do Vale do Paraíba/SP, do Sul de Minas Gerais e das serras paulistas: Bocaina, Quebra Cangalha e Serra Fina.

A dificuldade para se chegar ao cume do Pico dos Marins também é outro atrativo para os montanhistas. Embora, para montanhistas experientes, não seja necessária a utilização de equipamentos de escalada, tampouco o uso de bússolas, GPS ou mapas, o trajeto até o cume é acidentado, longo e demorado, o que exige bastante esforço muscular e articular das pernas do montanhista, além de muito fôlego para resistir a cerca de 4 horas (ou mais) de dura caminhada até o topo.

A caminhada “off-road” propriamente dita inicia-se em um local chamado Morro do Careca. A partir dele até o cume do Pico dos Marins leva-se aproximadamente quatro horas carregando-se apenas alimentação e bebida e o retorno em aproximadamente três horas. Com barraca, provisões e alimentos para acampar no cume o percurso de subida pode ser feito em cerca de seis horas e a descida em cerca de quatro horas e meia. Estes tempos, é claro, não são absolutos pois dependem do grau de condicionamento físico do montanhista.

A temporada de visitas ao Pico dos Marins inicia-se no mês de maio e se estende até o mês de setembro. Fora deste período não é seguro aventurar-se por lá devido ao tempo instável, às fortes tempestades com raios e ao tempo fechado que reduz fortemente a visibilidade, prejudicando a navegação. Além do aspecto da segurança, visitar o Pico dos Marins durante a temporada é garantia de apreciação de todo o explendor da região e de belas fotografias e filmagens.

Contato do Acampamento Base Marins: Telefone: (11) 99770-1991 vivo/whats, falar com Milton.
Site: www.picodosmarins.com e Facebook: Acampamento Base Marins

Aconselhavel a contratação de guia.

Pico da Meia Lua

 

Pico do Cabrito

 

Poço do Curiaco

A Cachoeira do Curiaco é uma das mais frequentadas e localiza-se no bairro dos Marins, e o acesso é feito pela continuação da estrada Vicinal José Rodrigues Ferreira, no final da parte de asfalto seguindo a direita em um misto de terra e bloquetes.

Possui três quedas d’águas, tendo seu acesso somente por trilhas.

A formação da cachoeira se dá no Pico dos Marins, onde nasce o Ribeirão Passa Quatro. Não contém infraestrutura turística, mas sua segurança é boa. A via de acesso é regular, contendo também urbanização e paisagismo.

Possui pouca movimentação e sua demanda é constituída pelos visitantes das cidades vizinhas.

Passo a passo da Trilha

• Para chegar no Poço do Curiaco, segue-se pela rodovia Lorena-Itajubá (BR-459), sentido Piquete.

• Seguindo pela rodovia e passando por Piquete, haverá um bifurcação na estrada, à esquerda vai para Itajubá e à direita, segue-se pela Estrada Vicinal José Rodrigues Ferreira, para o nosso destino, o Bairro dos Marins.

• Siga pela Estrada Vicinal José Rodrigues Ferreira (estrada do Bairro dos Marins ) por 15 km. A estrada é boa, asfaltada até o Bairro dos Marins.

• Chegando no Bairro, passe pela Capela Nossa Senhora Aparecida e siga em frente. Entre à direita na bifurcação (há uma placa sinalizando Pico dos Marins, à esquerda, Poço Curiaco, à direita).

• Siga pela estrada de terra por 1 Km até a entrada da fazenda do Curiaco. A estrada nesse trajeto é ruim então preste muita atenção.

• Deixe seu carro no estacionamento (uma área grande logo após a porteira da entrada da fazenda) e siga à pé até a portaria do Poço Curiaco, mais 200m morro acima (foto ao lado).

Atenção! O local cobra taxa de entrada no valor de R$3,00 por pessoa.

Localizado no Bairro dos Marins, dentro de uma propriedade particular, o local oferece diversas cachoeiras e poços para banho em água corrente que desce do alto da Serra da Mantiqueira pelo Ribeirão Passa Quatro. Contatos com Sra Ofélia ou Sr. Tião (12)

Cachoeira das Andorinhas

Para chegar na Cachoeira das Andorinhas, segue-se pela rodovia Lorena-Itajubá (BR-459), sentido Piquete.

• Seguindo pela rodovia e passando por Piquete, haverá um bifurcação na estrada, à esquerda vai para Itajubá e à direita, segue-se pela Estrada Vicinal José Rodrigues Ferreira, para o nosso destino, o Bairro dos Marins.

• Siga pela Estrada Vicinal José Rodrigues Ferreira (estrada do Bairro dos Marins ) por (aguarde informação) km. A estrada é boa, asfaltada até o Bairro dos Marins.

A cachoeira possui 15 metros de altura, 2 quedas dàgua e profundidade de uns 2 metros. O nome se deve ao fato de que há uma gruta dentro da cachoeira onde as andorinhas ficam.

Não há urbanização, mas as vias de acesso até a Fazenda Mundo Novo são boas e a paisagem é muito bonita.

O acesso é permitido apenas para hóspedes da pousada Fazenda Mundo Novo.

A trilha

A trilha para chegar a essa belíssima cachoeira é feita por uma estrada de terra bastante precária e pode ser feita à pé ou cavalo (A fazenda oferece esse tipo de passeio). Não é permitido percorrer a trilha com veículos automotores pois há trechos muito esburacados e de difícil passagem.

O tempo de caminhada, em ritmo leve, é de, aproximadamente, 40 minutos partindo da sede da Fazenda Mundo Novo. Possui trechos com subidas íngrimes e outros alagados, então é bom estar com o condicionamento físico em dia e com calçados preparados para terrenos encharcados.

Ao chegar no ponto de descida para a cachoeira, atente-se para o terreno bastante escorregadio e instável. Há algumas cordas para auxiliarem na subida/descida e alguns degraus de madeira que já estão podres.

 

Museu Cantinho dos Marins

O Museu Cantinho dos Marins fica no Bairro dos Marins, na propriedade de seu idealizador Sr. Lucas e Sra Irene.

Conta através de fotos e diversos objetos, a chegada dos primeiros moradores da região.

Tirolesa Garganta do Dragão

Localizada logo no inicio da Estrada Vicinal José Rodrigues Ferreira, no Bairro do Itabaquara, é considerada uma das mais longas tirolesas do Vale do Paraíba, com quase mil metros de extensão. O local é provido de lanchonete com um terraço de onde é possivel acompanhar toda a descida dos mais corajosos visitantes.

Ruinas do Sanatório

Igreja Matriz de São Miguel Arcanjo

 

Matriz Velho – Igreja das Almas

 

Vila Militar da Imbel

Pórtico da Fabrica Presidente Vargas

Praça Duque de Caxias

Elefante Branco

Grêmio General Carneiro

Estadio do Estrela

Estação Ferroviária Estrela do Norte – Maria Fumaça

Casa 1

Memorial da Usina Rodrigues Alves

Estação Ferroviária Rodrigues Alves

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *